Assine!Receba nossa Newsletter!
Saiba mais!

Como se tornar um turista que deixa saudade

Share
Ministério do Turismo listou as regras de ouro do viajante conveniente, com a ajuda de uma consultora de etiqueta

Como-se-tornar-um-turista-que-deixa-saudade

Viajar – e deixar uma boa impressão por onde passa – exige uma dose extra de bom senso e um toque de atenção. Mesmo que o passeio seja pelo próprio Brasil, vale lembrar que a diversidade cultural é tão grande quanto o país. Mais do que isso, algumas dicas de comportamento valem em todo o lugar. Ter cuidado com os selfies, adequar a forma de se vestircom a forma de se vestir e com o comportamento de grupo ajudam a criar uma boa imagem de si mesmo. O mais importante é ter atenção com o ambiente, de acordo com a consultora de etiqueta Ligia Marques. Abaixo, 10 dicas de como se tornar um viajante que deixa saudade quando vai embora.

1) Não economize sorrisos e gentilezas. Sempre que possível dê a preferência ao outro e demonstre interesse pelo local e pelas pessoas.

2) Observe o outro antes de se expor. Detalhes como a forma de cumprimentar as pessoas e interagir com o outro não vão estar explícitas em manuais.

3) Adapte-se aos costumes locais e evite impor suas opiniões. Isso vale para quando se experimenta a culinária regional ou na visita a pontos turísticos. Procure aceitar as regras sem comparação com o local de onde você vem.

4) Respeite o código de vestimenta de cada lugar. Se for a um templo ou igreja, por exemplo, use a roupa adequada às regras da religião local.

5) Horários agendados são para serem respeitados. Especialmente quando a viagem é feita em grupo. Não atrase seus companheiros de viagem, nem a equipe de turismo que o acompanha, pois assim poderá estragar o passeio de todos.

6) Verifique se existem regras para fotografar o local que visita. Museus e galerias de arte costumam ter normas. Se houver restrição quanto ao flash, respeite-a.

7) Evite exagerar nos selfies. Seja comedido. Verifique se é uma situação adequada e se as pessoas ao redor não se incomodam. No caso de extensores, eles podem incomodar os demais turistas e locais.

8) Procure experimentar a cozinha regional. Caso o sabor não agrade, evite fazer comentários depreciativos. Prefira dizer apenas que o sabor é diferente do que está acostumado.

9) Nos hotéis, procure ser discreto. Não faça barulho que possa incomodar e siga as regras locais quanto a festas e locais de convivência.

10) Evite entrar em conflito com os funcionários do hotel e guia de turismo. Atitudes de superioridade ou preconceito nunca serão bem-vistas e ajudam a construir uma imagem ruim de você e de seu local de origem.

Serviço:

www.turismo.gov.br

Share

Comente este artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *