Assine!Receba nossa Newsletter!
Saiba mais!

Documento roubado durante uma viagem?

Share
documentos-roubados-durante-viagem-profissao-hoteleiro
 Apesar de toda preparação e das expectativas de que tudo comece e termine bem, imprevistos e acidentes podem acontecer. Situações das mais diversas, e o sumiço ou roubo de documentos deve ser considerado, o passaporte ou a pasta dos viajantes mais organizados e experientes podem desaparecer ou ser roubados na correria de uma viagem.

 No ano passado, de acordo com as autoridades competentes e as Delegacias do Turista registrou-se 253.037 passaportes perdidos e 60.984 passaportes roubados no mundo todo.Embora a Polícia Federal  e as instituições equivalentes em outros países possuam procedimentos para repor passaportes perdidos ou roubados, diferenças de fuso horário, fins de semana e feriados podem complicar ou desacelerar esse processo. Os casos de roubo de documentos me fez lembrar o caso de um amigo, britânico Sr. Chris Crowley, que costuma viajar por todo o planeta há pelo menos  15 anos. Durante uma viagem feita há dois anos entre Londres, Cingapura, Chicago e  Washington, ele perdeu e reencontrou seu passaporte em apenas dois dias.

De acordo com Sr. Chris Crowley, durante o voo de Chicago para Washington pela Continental Airlines (atualmente United Airlines) ele colocou seu passaporte dentro do compartimento em frente ao seu banco. Ele disse que  estava com pressa, cansado e acabou dormindo e acabou saindo do  avião em Washington e esqueceu-se do passaporte no avião.

(A título de conhecimento: Sr. Chris Crowley é vice-presidente sênior de gestão global de clientes da Europa, Oriente Médio e África na BCD Travel. Prevenido e se antecipando aos inconvenientes gerais, ele comentou que possui dois passaportes britânicos, para o caso de precisar fazer uma viagem ao exterior enquanto um de seus passaportes estiver em outro lugar, como na embaixada do Reino Unido, por exemplo, caso ele esteja esperando pela obtenção de um visto de viagem para a China ou para a Rússia.)
(Observação: Cidadãos dos Estados Unidos também podem obter um segundo passaporte, mas apenas em casos muito excepcionais, segundo autoridades do Departamento de Estado.)

Voltando ao caso relatado pelo meu amigo Chris, ele chegou a Washington às oito da noite de uma terça-feira, e deveria ir para Londres na quinta. A primeira coisa que fez foi ligar para a companhia aérea e comunicar a perda. Em seguida, ele ligou para a embaixada britânica em Washington, já havia passado das 5 horas e uma gravação na secretária eletrônica atendeu  as ligações… única alternativa: deixar recado. Depois disso, ele ligou para o escritório de emissões de passaportes em Londres e dessa vez uma mensagem automática ficava repetindo que ele deveria ligar para a embaixada local.  Como tinha pouco tempo, Chris ligou para sua assistente pessoal em Londres, pois ela tem todas as informações sobre seu passaporte e seus cartões de crédito. Ela dirigiu por três horas até a casa da mãe de Chris para buscar a chave de seu apartamento em Londres e pegar seu passaporte extra, que enviou por correio expresso para o hotel dele em Washington. Na quinta-feira de manhã, antes do horário marcado para viagem, a Continental Airlines retornou as ligações de Chris, afirmando que a equipe de limpeza havia encontrado seu passaporte em Minneapolis. Na quinta de manhã ele  estava com seus dois passaportes.  Revelou com um certo tom de alegria na voz que embarcou sem problemas e prometeu que estaria mais atento com a bagagem de mão e de agora em diante documentação importante sempre viaja ao alcance dos olhos e das mãos.

Dicas Gerais do Blog Jefferson World Trip:

(Leia ainda postagem do Arquivo do Blog para procedimentos para obter o Passaporte: http://jeffersonworldtrip.blogspot.com.br/2010/07/como-obter-o-passaporte.html )

Para os Brasileiros em viagem no exterior, o melhor a fazer é informar sobre o sumiço do passaporte o mais rapidamente possível, especialmente se tiverem certeza de tê-lo perdido.

Em primeiro lugar, refaça seus passos. Se você tiver certeza de que o perdeu ou de que ele foi roubado, faça um boletim de ocorrência, porque isso vai ajudá-lo a receber um novo. Comunique a perda assim que possível para que seu passaporte não possa ser vendido, adulterado, ou utilizado em viagens ilícitas por criminosos ou pessoas mau intencionadas.

A maior parte das empresas internacionais possui serviços de assistência para os funcionários que viajam com frequência. Informe-se sobre este serviço em sua empresa antes de viajar. Assim que tiver com toda documentação preparada e detalhes do seu itinerário, é sempre recomendada a aquisição de uma apólice de seguro viagem, e procure informações sobre assistência em casos de roubo ou sumiço de documentos. Assim, você tem um contato que vai ajudá-lo com tudo o que for necessário. Eles podem fornecer as informações das empresas de cartão de crédito, direcioná-lo à embaixada ou enviar dinheiro para você. Ou então a embaixada pode ligar para o programa de assistência assim que você chegar. Voltar para casa sem o passaporte é quase impossível e no final das contas, o empregador é o maior responsável pelas pessoas que viajam a trabalho.

A maior parte das empresas internacionais possui programas de viagem com uma linha telefônica de assistência  que pode ajudar no caso de perda ou roubo do passaporte. Pessoas que viajam a negócios também podem ligar para a linha de emergência e mudar a data de seu voo de volta, caso o novo passaporte demore mais do que o esperado para ficar pronto.


Agora vamos ao lado prático da coisa. Aqui seguem algumas dicas e sugestões para evitar a perda ou roubo de  passaportes, carteiras e cartões de crédito quando se vai a outros países em viagens de negócios ou lazer.

1. Deixe uma cópia de todos os documentos e dos cartões de crédito que está levando consigo com seu cônjuge, com um assistente ou com uma pessoa de confiança. Outra dica bem útil é ter uma cópia dos documentos  escaneada ou digitalizada salva em um pendrive e enviadas para sua caixa postal de e-mail, assim, voce pode fazer novo download ou enviá-las para qualquer lugar.

2. Traga consigo uma cópia colorida da página de rosto de seu passaporte e tente memorizar o número de seu passaporte.

3. Quando estiver passando pela segurança do aeroporto, leve consigo seu passaporte e seu cartão de embarque.

4. Confira no site http://www.travel.state.gov   se o país para o qual estará viajando exige que você leve seu passaporte consigo o tempo todo, ou se uma cópia já será o bastante. Alguns especialistas em segurança sugerem que o passaporte seja deixado no cofre do hotel.

5. Caso você perca seu passaporte ou ele seja roubado, faça um boletim de ocorrência e leve uma cópia do passaporte para acelerar o processo de emissão do passaporte de reposição na embaixada ou nos consulados que têm representação diplomática com o Brasil  em outros paises.

6. Diga ao segurança da embaixada ou do consulado que você é um cidadão brasileiro e que perdeu seu passaporte, mostre em seguida a cópia do passaporte e o boletim de ocorrência. Após o horário comercial, os viajantes podem informar a perda de seus passaportes pela internet, por meio do sitehttp://www.travel.state.gov

Os viajantes devem conhecer os recursos colocados à sua disposição por seus empregadores e devem saber com quem falar em sua empresa ou na empresa de gestão de viagens em caso de viagem de negócios ou lazer patrocinado pela empresa.

7. Outra dica importante que muitas vezes passa despercebida:  Viajantes que possuam um cartão de crédito American Express, de praticamente qualquer tipo, podem utilizar o programa de assistência global que vem com ele.

E para concluir, nas lojas de bolsas, malas e artigos de viagem, há uma faixa com bolso e zíper que deve ser usada por baixo da roupa para transporte de documentos e dinheiro. Como ela fica sempre bem próximo ao corpo, qualquer movimento intruso que tente retirar qualquer coisa de dentro dela, será facilmente percebido.

Em toda viagem, leve sempre os documentos, autorizações, declarações e certidões, equipamentos eletrônicos, medicamentos, cópia das receitas traduzidas (e o principio ativo – principal composto do medicamento – bem legíveis),  óculos, dinheiro e cartões de crédito em sua bagagem de mão, e nunca, nunca em hipótese alguma se afaste dela, não permita que esta bagagem saia do seu campo de visão, pois, da mesma forma que alguém pode retirar algo de seu interior, oportunistas podem “plantar” evidências criminosas contra voce sem que seja notado e causar-lhe um transtorno extra no momento de embarque/desembarque e inspeção alfandegária. Agora é só ficar atento a estes detalhes e dicas e desfrutar sua viagem da melhro forma possível, seja a lazer ou trabalho/negócios.

Share
One Comment

Comente este artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *