Assine!Receba nossa Newsletter!
Saiba mais!

Revenue Management e as considerações que tenho encontrado.

Share

Revenue management na hotelariaEncontrei certa feita, um rapaz que era gerente de TI ao que tudo indica por suas posturas e atitudes um ótimo profissional em sua área, porém altamente “Googalizado” ele, e não está sozinho nisso, acha que lendo meia dúzia de artigos sobre Revenue Management no Google se torna expert.

Um aparte: As mais conceituadas faculdades de Hotelaria do Mundo teem, como não podiam deixar de ser o Revenue Management como disciplina obrigatória, mas as que sabem realmente o que fazem teem separadamente o tipo de um MBA que o Aluno depois de formado faz com duração de um Ano para então poder Administrar por este método. Isto posto voltamos ao nosso amigo de TI, para ele é tudo muito simples exceto por um fato, aquela história de saber qual é e melhor diária para daqui a um ano. Foi nesta sua afirmação que eu entendi que o Revenue Management que ele como muitos outros confundem com Yield era apenas de cultura do Google, alguns dos artigos que ele leu eu também vi.

Então há a dizer, não a projeção de preços de venda (Revenue trabalha sempre e só com preços de venda) é resultado de um sistema muito em implementado e Países há onde é natural termos o melhor preço para cinco anos, claro que isso não é o caso do Brasil nem mesmo nas próximas décadas.

Outra incoerência foi um participante de um de meus cursos pedir a palavra para dizer que fazia REVENUE, até agora não sei por que não lhe perguntei qual a receita e quanto tempo de forno para ficar pronta.

Revenue é a palavra inglesa que significa receita. Então nenhum Administrador consciente faz “Revenue” – Gerencia, otimiza, controla, maximiza, mas não faz, pelo simples motivo de que RECEITA não se faz, um conjunto de atitudes faz com que ela seja gerada. Isto em parte é pela cultura errônea de que o Revenue Management é comercial, não, Revenue Management é Muito analítico e pouco comercial a única coisa que o departamento comercial faz, ou pelo menos devi fazer é usar os números de uma ferramenta que todo um sistema precisa alimentar. Quando este sistema foi bem implementado a margem de “barganha e a oscilação” a que o Gerente comercial se permite são muito grandes chegando a gerar dúvidas. Mas Revenue Management é ALTA GESTÃO não só de Hotelaria – Restaurantes – centros de Eventos – locadora de automóveis e companhias de Aviação como de outro sem número de empresas onde pode e deve ser implementado.

Em nosso curso ensinamos o Gestor a entender e capacitamo-lo a implantar um sistema de Revenue Management sustentável e de logo prazo, mais propriamente “para sempre”, pois Revenue Management parece milagre, mas não é, e a má notícia é que é uma prática diária e continua que nunca termina.

Capacitamos profissionais para:

*O domínio e administração das receitas geradas, e a projeção de que números positivos sejam cada vez mais frequentes em suas unidades.

* Tornar dinâmico e eficiente o sistema de Gestão

* O Revenue Management sem mistérios

* O que você precisa para dominar variáveis de preços mercados e as respectivas projeções.

*Usando a experiência de 41 anos em hotelaria e mais de 25 em gerências, sempre usado o Sistema de Revenue Management, o monitor do curso da Águia consultoria – passa sua vivência e expões casos concretos de uma carreira de administrações de sucesso.

*Porque nunca se devem reduzir as diárias de um Hotel

* Os departamentos que trazem receita.

* A gerência dos talentos existentes, sua análise.

* Formatação de preços

* Majoração de tabelas

* Os segredos da gestão sem segredos.

** E outros conceitos necessários e números que realmente importam.

 *** A notícia ruim a cerca da aplicação do RM é que o Sistema é muito analítico, fundamentado em cálculos e análises precisas, RM é uma cultura, uma filosofia que requer prática diária e disciplina para uso e aplicação, além do envolvimento de toda a equipe, a anuência da direção. 

 

Share
One Comment

Comente este artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *